[MOBI] ☆ A Casa-comboio | BY Ê Raquel Ochoa

A Casa-comboio By Raquel Ochoa,

  • Title: A Casa-comboio
  • Author: Raquel Ochoa
  • ISBN: 9789896163600
  • Page: 201
  • Format: Paperback
  • Uma fam lia indo portuguesa Um s culo de hist ria Quatro gera es que evocam 450 anos de aventura m tica, nos quais a ndia long nqua era portuguesa Em pano de fundo, a partida, o acaso e a sorte de quem se v constantemente obrigado a fazer as malas, o desenraizamento, a inquieta o, o inesperado, a imprevisibilidade dos destinos que se cruzam A imagem dada pelo t tulUma fam lia indo portuguesa Um s culo de hist ria Quatro gera es que evocam 450 anos de aventura m tica, nos quais a ndia long nqua era portuguesa Em pano de fundo, a partida, o acaso e a sorte de quem se v constantemente obrigado a fazer as malas, o desenraizamento, a inquieta o, o inesperado, a imprevisibilidade dos destinos que se cruzam A imagem dada pelo t tulo elucidativa uma casa em movimento Uma beleza po tica singular Uma verdadeira revela o.
    A Casa comboio Uma fam lia indo portuguesa Um s culo de hist ria Quatro gera es que evocam anos de aventura m tica nos quais a ndia long nqua era portuguesa Em pano de fundo a partida o acaso e a sorte de que

    One thought on “A Casa-comboio”

    1. Li A Casa comboio h uns dois meses Fui adiando este texto, e as mem rias desta hist ria foram ficando no fundo das hist rias com que vivo todos os dias N o que tenha esquecido, n o se esquecem os livros de que se gosta, e muito menos os que ensinam, preenchendo os espa os para tudo o que temos a aprender.N o tenho presente os nomes de todas as personagens, nem todos os pormenores desta hist ria, mas n o vou esquecer a saga da fam lia Carcomo e o seu percurso pelo mundo.Este n o ser um texto bril [...]

    2. O romance A Casa Comboio narra os dramas de uma fam lia oriunda do Estado Portugu s da ndia ao longo de v rias gera es, desde finais do s culo XIX at ao per odo ap s a queda do Imp rio A narrativa procura centrar se no quotidiano dos muitos que, ao longo de v rios s culos, debateram se com a experi ncia de viver num Portugal que, na verdade, n o passava de um horizonte long nquo que se conhecia atrav s de livros e hist rias , no fundo, a problem tica de uma identidade nacional dif cil de definir [...]

    3. N o fiquei de todo agradada com o livro N o me senti encantada com a escrita, apesar de sentir alguma curiosidade pela parte cultural que o livro retrata Fiquei desiludida porque estava espera de um livro, de uma hist ria e de um retrato de diversas gera es mais impactante.

    4. A tem tica era aliciante, especialmente para mim, que tenho uma a India portuguesa relativamente alta na minha lista de viagens a fazer Mas a partir da , quase tudo me decepcionou Especialmente, e de longe, uma imensa, enorme, abismal, incapacidade de conferir profundidade s personagens, que entram e saem da est ria como se fossem figurantes de segunda linha E com isto, vai se lendo e espera se at se perceber que nunca vai suceder pelo adensar da trama, pela chegada da figura central da narrativ [...]

    5. Honorato de Oliveira Carcomo un uomo di grande temperamento, ha terminato i suoi studi a Goa, e a questo punto gi adulto Rientrato nella nativa Dam o adesso pi intraprendente desidera migliorare la sua provincia e la vita di quella popolazione Carcomo il notaio designato come segretario della Fazenda e retto, rispettoso e responsabile pronto a porsi al servizio dell India e del Portogallo Dotato di grande dialettica, e tuttavia per niente incline ai pettegolezzi o agli intrighi, abile nell ambit [...]

    6. Esta a hist ria da fam lia Carcomo, do final do s culo XIX at ao in cio do s culo XXI Hist ria de homens e mulheres que formaram um pa s a milhares de quil metros de dist ncia De homens e mulheres que traziam no peito e na alma um Pa s que, sendo seu, n o conheciam , tamb m, uma hist ria de as, de encontros, de pol tica e de esperan a.Gostei Gostei tanto, que gostaria de lhe dar um 4 mas n o posso A autora escreve, por entre a hist ria dos Carcomo, partes da Hist ria de Portugal para situar o le [...]

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *